Sociologia do Ensino de Sociologia na educação básica: reflexões de uma discente da 1ª turma do PROFSOCIO UNESP Marília

Autores

  • Ana Beatriz Maia Neves SEEDUC RJ PROFSOCIO UNESP Marília

Palavras-chave:

Ensino de Sociologia, Sociologia do Ensino de Sociologia, PROFSOCIO.

Resumo

O presente trabalho é um recorte da minha dissertação apresentada para obtenção do título de Mestra em Sociologia em Rede Nacional. Neste texto exponho algumas reflexões desenvolvidas como discente da primeira turma do PROFSOCIO UNESP Marília, ressaltando a importância de tal programa para a formação continuada de professoras de Sociologia e sua contribuição para o desenvolvimento de atuais e futuras pesquisas voltadas à Sociologia do Ensino de Sociologia na educação básica. Para o desenvolvimento destas reflexões, lanço mão de discussões acerca da relação entre juventude e escola e identidade juvenil.

Abstract

The present work is an example of my dissertation presented to obtain the title of Master in Sociology in National Network. In this text I present some reflections developed as a student of the first class of PROFSOCIO UNESP Marília, emphasizing the importance of this program for the continued training of sociology teachers and its contribution to the development of current and future research focused on sociology of sociology teaching in basic education. For the development of these reflections, I make use of discussions about the relationship and youth and school and youth identity.

Keywords: Sociology Teaching; Sociology of Sociology Teaching; PROFSOCIO.

 

Biografia do Autor

Ana Beatriz Maia Neves, SEEDUC RJ PROFSOCIO UNESP Marília

Mestra em Sociologia em Rede Nacional pelo PROFSOCIO UNESP Marília. Pós-graduação (nível especialização): CESPEB/Modalidade Ensino de Sociologia - UFRJ.Pós-graduação (nível especialização) em Gênero e Saúde - UFF. Bacharelado e Licenciatura em Ciências Sociais - UFRJ.Professora de Sociologia da SEEDUC RJ desde 2005. Fui Supervisora do PIBID UFRJ no Subprojeto Multidisciplinar do Núcleo Ciências Sociais e Filosofia no C. E. Antonio Prado Junior, de abril de 2018 a fevereiro de 2019.Fui bolsista pela FAPERJ na pesquisa O grêmio e outros espaços-tempos de diálogo político da juventude contemporânea: possibilidades na educação escolar (2015-2016), sob orientação da Prof. Dra. Miriam Soares Leite.Atuei como professora substituta no Colégio Pedro II em 2007-2008 (Unidade Humaitá) e 2012-2013 (Unidade Centro). Lecionei Sociologia no Instituo Pio XI (2009-2013).De abril de 2014 a julho de 2020 coordenei projetos na área de cinema e educação no NuCiNi - Prefeitura Municipal de Niterói.

Referências

BODART, Cristiano das Neves (Org.). O ensino de Humanidades nas escolas: Sociologia, Filosofia, História e Geografia. Maceió: Editora Café com Sociologia, 2019.

BODART, Cristiano das Neves; CIGALES, Marcelo Pinheiro. Ensino de Sociologia no Brasil (1993-2015): um Estado da Arte na Pós-Graduação. Revista de Ciências Sociais. Fortaleza, v. 48, n. 2, p. 256-281, jul./dez., 2017. Disponível em: www.periodicos.ufc.br. Acesso em: novembro de 2020.

BOURDIEU, Pierre. A escola conservadora: as desigualdades frente à escola e à cultura. In: NOGUEIRA: Maria Alice; CATANI, Afrânio. Escritos de Educação. São Paulo: Vozes, 1998. p.39-64.

BRASIL. Congresso Nacional. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei n. 9.394/96, Brasília, 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Orientações Curriculares Nacionais: ensino médio. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. – Brasília, 2006.

CASTELLS, M. A construção da identidade. In: O poder da identidade. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

CUNHA, Marcus Vinícius da; TOTTI, Marcelo Augusto. Do “Manifesto dos Pioneiros” à “Sociologia Educacional”: ciência social e democracia na educação brasileira. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

DAYRELL, Juarez. A escola “faz” as juventudes? Reflexões em torno da socialização juvenil. Educ. Soc., Campinas, vol. 28, n. 100 – Especial, out. 2007. Disponível em <http://www.cedes.unicamp.br>

FERNANDES, Florestan. A ciência aplicada e a educação como fatores de mudança cultura provocada. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos. Rio de Janeiro, v. 32, n. 75, jul/ set. 1959.

FERNANDES, Florestan. O Ensino de Sociologia na Escola Secundária Brasileira. In: Congresso Brasileiro de Sociologia, 1954. São Paulo: Anais da SBS, 1955.

HANDFAS, Anita; MAÇAIRA, Julia Polessa. O estado da arte da produção científica sobre ensino de sociologia na educação básica. BIB, São Paulo, nº 74, jul/2014.

LEITE, Miriam Soares; NEVES, Ana Beatriz Maia; SANTOS, Luiz Guilherme Oliveira. O movimento de ocupação de escolas, o Projeto de Lei Escola Sem Partido e o ensino de sociologia: desconstruções. In: MAÇAIRA, Julia Polessa; FRAGA, Alexandre Barbosa (Orgs.). Saberes e práticas do ensino de sociologia. 1ª edição. Rio de Janeiro: Autografia, 2018.

MILLS, Wright. A imaginação sociológica. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1969.

NEVES, Ana Beatriz Maia. Sociologia no ensino médio: com que “roupa” ela vai?. In: HANDFAS, Anita; MAÇAIRA, Julia Polessa; FRAGA, Alexandre Barbosa (Orgs.). Conhecimento escolar e ensino de Sociologia: instituições, práticas e percepções. Rio de Janeiro: 7Letras, 2015.

SARANDY, Flávio Marcos Silva. Reflexões acerca do sentido da Sociologia no ensino médio. In: CARVALHO, Lejeune Mato Grosso de. Sociologia e ensino em debate: experiências e discussão de Sociologia no ensino médio. Ijuí: E. Unijuí, 2007.

Downloads

Publicado

21-01-2021

Edição

Seção

Artigos