Decifra-me ou Devoro-te: uma oficina de intervenção sociológica

Autores

  • Maikon Bueno Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos)

Palavras-chave:

Oficina, Sociologia, Tribunal do júri, Estranhamento

Resumo

O artigo apresenta a oficina “Decifra-me ou Devoro-te” desenvolvida durante a inserção do autor enquanto bolsista do Programa Residência Pedagógica financiada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), do mesmo modo que seu estágio curricular, supervisionado pelo curso de licenciatura em Ciências Sociais, durante o ano de 2019. Realizada com estudantes do Ensino Médio, de escolas públicas da região da 15ª Coordenadoria Regional de Educação de Erechim no Rio Grande do Sul, a oficina foi organizada sob modo de um tribunal do júri, sendo oportunizado aos(as) estudantes elaborarem; criarem e apresentarem acusações e defesas de determinados casos a um júri, que por fim determinou o veredito final deles. Ao fim da oficina foram expostos os argumentos feitos por Acusação e Defesa, do mesmo modo que problematizadas questões acerca de julgamento prévio; análises superficiais de conteúdo; prospecção de argumentos e (co)relação entre indivíduos e sociedade, no âmbito jurídico; político; social e cultural brasileiro.

Abstract

The article aims to show the workshop “Decifra-me ou Devoro-te (Decipher me or I will devour you)” developed during the author insertion as a scientific initiation scholarship in Pedagogical Residency Program financed by Higher Education Personnel Coordination Improvement (CAPES), in the same way as his curricular internship, supervised by the Social Sciences degree course, during 2019. The workshop was held with high school students, from 15th Regional Education Coordination public schools region, and was organized as a jury court, giving opportunities to the students elaborate; create and present prosecutions and defenses in specific cases to a jury, which determined their final verdict. At the workshop conclusion, the arguments made by the Prosecution and Defense were exposed, as well as were problematizing questions about prior judgment; superficial content analysis; prospection of arguments and (co)relationship between individuals and society, in the legal Brazilian, political, social and cultural scope.

Biografia do Autor

Maikon Bueno, Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos)

Mestrando do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), licenciado em Ciências sociais pela Universidade Federal da Fronteira Sul/ Campus Erechim. email: [email protected]

Referências

ARONOVICH, L. O dia em que o cara que quis me destruir foi condenado a 41 anos de prisão. The Intercept Brasil. 21 dez 2018. Disponível em https://theintercept.com/2018/12/21/prisaodo-misogino-marcelo-mello/ acesso em 13 out. 2020.

BRASIL. Comissão Nacional da Verdade. Relatório / Comissão Nacional da Verdade. – Recurso eletrônico. – Brasília: CNV, 2014. v. 1 digital. 2014 p. 399-653. Disponível em <http://www.memoriasreveladas.gov.br/administrator/components/com_simplefilemanager/uploads/CNV/relat%C3%B3rio%20cnv%20volume_1_digital.pdf> acesso em 10 out 2020.

BRASIL. Comissão Nacional da Verdade. Relatório: textos temáticos / Comissão Nacional da Verdade. – Brasília: CNV, 2014. v. 2 digital. 2014 p. 341-409. Disponível em <http://cnv.memoriasreveladas.gov.br/images/pdf/relatorio/volume_2_digital.pdf> Acesso em 10 out 2020.

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários a prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2011.

GONÇALVES, C. Z. R. O ensino de Sociologia e suas problemáticas: o desenvolvimento da disciplina no contexto das escolas da 15° Coordenadoria Regional de Educação. (TCC).

Universidade Federal da Fronteira Sul, Erechim, 2018.

JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 14ª Vara Federal de Curitiba. Pedido de busca e apreensão criminal Nº 5056145- 95.2017.4.04.7000/PR. Disponível em: <https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/wp-content/uploads/sites/41/2018/05/bravataEvento-21-DESPADEC1.pdf> Acesso em 13 out 2020.

QUINET, A. Édipo ao pé da Letra: Fragmentos de tragédia e psicanálise. UFMG. Ed. ZAHAR. 2015.

SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA. Indicadores da Violência Contra a Mulher.In: SSP, s/a. Disponível em <https://www.ssp.rs.gov.br/indicadores-da-violencia-contra-amulher> Acesso em 10 out 2020.

SIELSKI, A. T. Sociologia no ensino médio: desafios para sua legitimidade. (TCC) Universidade Federal da Fronteira Sul, Erechim, 2017.

VIOLÊNCIA contra a mulher em dados. In: Instituto Patrícia Galvão, s/a. Disponível em <https://dossies.agenciapatriciagalvao.org.br/violencia-em-dados/> acesso em 10 out 2020.

Downloads

Publicado

2021-07-31

Edição

Seção

Relato de Experiência